Notícias

A+
A-

Gestor Carlos Cerqueira da Purificação foi multado em R$ 600,00 por pequenas irregularidades cometidas no exercício de 2008.

20 de abril de 2010














O
Tribunal de Contas dos Municípios, nesta terça-feira
(20/04), aprovou com ressalvas as contas do presidente da Câmara
de
São
Gonçalo dos Campos
,
Carlos Cerqueira da Purificação, relativas ao exercício
de 2008.


Em
razão das irregularidades remanescentes no parecer, o relator,
conselheiro Paolo Marconi imputou ao gestor multa no valor de R$
600,00.


A Lei
Orçamentária Anual estimou a receita e fixou a despesa
para o Legislativo em R$ 1.140.000,00 e foram aberto,s via decretos
do Poder Executivo, e contabilizadas alterações
orçamentárias no total de R$ 20.005,73.


A 16ª
Inspetoria Regional de Controle Externo exerceu a fiscalização
contábil, financeira, orçamentária e patrimonial
da câmara notificando mensalmente o gestor sobre as falhas e
irregularidades detectadas no exame da documentação
mensal, cujos esclarecimentos, no entanto, foram considerados
satisfatórios.


Consta
dos balancetes que os duodécimos transferidos foram R$
926.522,64, sendo executadas despesas em igual valor e durante o
exercício ocorreram receitas e despesas extraorçamentárias
de R$ 144.887,53.


A
análise técnica identificou as seguintes
irregularidades: relatório de controle interno insatisfatório,
descumprimento dos prazos para envio dos demonstrativos referentes às
licitações e às obras e serviços de
engenharia e atraso no encaminhamento dos demonstrativos de despesas
com publicidade.


Íntegra
do voto do relator
das contas da Câmara de São Gonçalo
dos Campos. (O voto ficará disponível após
conferência).



Mais Notícias

* Escolha o município e obtenha informações sobre a sua cidade.

Agenda

Confira a agenda do Tribunal para o município dos próximos dias. Clique na data destacada.

Últimas Decisões do Pleno