Notícias

A+
A-

José Clementino Filho promoveu despesa excessiva para aquisição de cestas básicas, fogões, medicamentos e óculos, sem apresentar os critérios utilizados para a escolha dos beneficiários.

16 de dezembro de 2014

O ex-prefeito de Remanso, José Clementino de Carvalho Filho, foi multado em R$ 5 mil pelo Tribunal de Contas dos Municípios, na tarde desta terça-feira (16/12), pela realização de despesa excessiva e injustificável no valor de R$ 89.121,88 para aquisição de cestas básicas, fogões, medicamentos e óculos, no exercício de 2012.

O processo apontou que o gestor não apresentou os critérios utilizados para a escolha dos contemplados, tampouco comprovou o estado de carência dos mesmos, o que, em tese, supõem a existência de privilégios dos beneficiários, ofendendo o princípio da igualdade dos administrados perante à Administração Pública. Além disso, não foram realizados os respectivos procedimentos licitatórios para as aquisições dos bens, em descumprimento à Lei de Licitação.

Cabe recurso da decisão.

Mais Notícias

* Escolha o município e obtenha informações sobre a sua cidade.

Agenda

Confira a agenda do Tribunal para o município dos próximos dias. Clique na data destacada.

Últimas Decisões do Pleno