Notícias

A+
A-

Vereador Vasco da Costa Queiroz autorizou empréstimos consignados feitos em nome de pessoas que não integram o quadro de pessoal do Legislativo em 2007.

20 de julho de 2010













O Tribunal de Contas
dos Municípios, nesta terça-feira (20/07), negou provimento ao pedido de
reconsideração referente à denúncia contra o ex-presidente da Câmara de Eunápolis,
Vasco da Costa Queiroz, relativa ao exercício de 2007,
por irregularidades nos empréstimos consignados em convênio com o Banco Matone.


Por não ter
apresentado novos esclarecimentos, o relator, conselheiro Fernando Vita, manteve
a imputação de multa, no valor de R$ 2 mil e determinação de ressarcimento aos
cofres municipais do correspondente a R$ 59.657,40.


O relatório de
inspeção apresentado por técnicos do TCM, que estiveram na sede do Legislativo,
confirmou a existência de empréstimos consignados, no valor total de R$
59.657,40, feitos em nome de pessoas que não integram o quadro de pessoal da câmara, além de ter sido constatado também o não recolhimento das contribuições
previdenciárias ao INSS.


Íntegra do voto do
relator
do pedido de reconsideração da denúncia lavrada na Câmara de Eunápolis.
(O voto ficará disponível após conferência).









Mais Notícias

* Escolha o município e obtenha informações sobre a sua cidade.

Agenda

Confira a agenda do Tribunal para o município dos próximos dias. Clique na data destacada.

Últimas Decisões do Pleno