Notícias

A+
A-

Manoel do Carmo não enviou a documentação mensal de receita e despesa da Prefeitura, referentes aos meses de fevereiro a maio do exercício de 2012.

24 de outubro de 2012

















O Tribunal de Contas dos Municípios,
na sessão desta quarta-feira (24/10), considerou procedente o
termo de ocorrência lavrado na Prefeitura de Jucuruçu,
na gestão de Manoel do Carmo Loyola da Paixão,
pela
falta de encaminhamento da documentação mensal de
receita e despesa referente às prestações de
contas dos meses de fevereiro a maio do exercício de 2012.



Comprovada a
irregularidade, o relator do processo, conselheiro Raimundo Moreira
determinou a formulação de representação
ao Ministério Público contra o gestor e aplicou multa
no valor de R$ 1.500,00. Ainda cabe recurso da decisão.



Também foi
solicitada a realização de auditoria por técnicos
do TCM na Prefeitura de Jucuruçu, em razão do
descumprimento à determinação legal.



Mesmo convocado a
apresentar justificativas sobres os fatos, o prefeito deixou o
processo correr à revelia.



Íntegra do voto do
relator do termo de ocorrência lavrado na Prefeitura de
Jucuruçu.







Mais Notícias

* Escolha o município e obtenha informações sobre a sua cidade.

Agenda

Confira a agenda do Tribunal para o município dos próximos dias. Clique na data destacada.

Últimas Decisões do Pleno