Notícias

A+
A-

Mesmo com o município afetado pela seca prolongada, o gestor Ivan Cedraz gastou quase R$ 1 milhão na realização de festas juninas em 2013.

24 de março de 2015

O prefeito de Piritiba, Ivan Silva Cedraz, foi multado em R$ 5 mil pelo Tribunal de Contas dos Municípios, na sessão desta terça-feira (24/03), por promover despesas no montante de R$ 965.575,00 com a realização de festas juninas em plena situação de emergência municipal, no exercício de 2013. O relator do processo, conselheiro Paolo Marconi, afirmou não ser razoável o dispêndio quase milionário com festas, justo no momento em que a situação do município exigia o máximo de ações estatais em priorização da proteção à vida dos piritibanos afetados pela seca.

Em sua defesa, o prefeito alegou que os festejos resultaram num incremento de receita em benefício da municipalidade, com a visita de cerca de 80 mil turistas que teriam lotado as pousadas e hotéis da cidade e movimentado o comércio local. No entanto, não foram apresentados quaisquer documentos comprobatórios, como demonstrativos de receita e relatórios resumidos de execução orçamentária, que evidenciassem um aumento na arrecadação tributária ou outros benefícios diretamente decorrentes das festas realizadas com recursos públicos. Inclusive, o decreto emergencial emitido pelo gestor, apenas três meses após os gastos, foi motivado justamente pela diminuição da arrecadação no movimento econômico.

Cabe recurso

 

Mais Notícias

* Escolha o município e obtenha informações sobre a sua cidade.

Agenda

Confira a agenda do Tribunal para o município dos próximos dias. Clique na data destacada.

Últimas Decisões do Pleno