Notícias

A+
A-

Paulo Maracajá Pereira afirma que essa é uma contribuição muito positiva pela transparência dos atos da instituição e da ação dos gestores municipais.

9 de maio de 2011





A presença marcante da imprensa nos dois Encontros para Orientação e<br /> Capacitação de Gestores Municipais

A
presença marcante da imprensa nos dois Encontros para Orientação e Capacitação
de Gestores Municipais, promovidos pelo Tribunal de Contas dos Municípios em
parceria com a União dos Prefeitos da Bahia, levou o presidente Paulo Maracajá
Pereira a ressaltar o valor da cobertura jornalística, “porque não apenas
populariza o TCM como, também, serve de agente revelador das ações do
tribunal e do desempenho dos prefeitos, vereadores e técnicos dos 417 municípios
baianos”.

Tanto
no macro Encontro, realizado no Centro de Convenções, em Salvador, nos dias 18
e 19 de abril, abrindo a série de eventos, quanto no 1º Encontro Regional, em
Porto Seguro, nos dias 05 e 06 de maio, no Náutico Hotel, a presença de
jornalistas, radialistas, profissionais de Tvs e representantes de portais da
Internet, foi acima do esperado, abrangendo capital e interior com grande incidência.
Também, no dia a dia, a imprensa de Salvador e de todo Estado, tem sido uma
grande aliada do TCM.

“Fico
muito contente, porque a massificação das atividades do Tribunal é uma das
metas prioritárias de nossa administração. Vamos dar o que há de melhor dos
nossos conselheiros, técnicos e auditores para contribuir com a administração
pública municipal de nosso Estado”, argumenta Paulo Maracajá Pereira.

“Confesso
que estou impressionado com a imprensa atuante e presente, que quer estar bem
informada, e isso é uma contribuição inestimável para o tribunal”, mostrou
o presidente, destacando mais uma vez que “quando há algo errado nas prestações
de contas, precisamos levar a informação aos 417 municípios, mas com orientação
para uma capacitação cada vez mais eficiente. E este papel da imprensa é um
canal de grande auxílio”.

Paulo
Maracajá enfatizou que é preciso massificar através da mídia que “o gestor
municipal, às vezes gasta errado por desconhecimento e por erros técnicos, nem
sempre por má fé, e como no Brasil primeiro se acusa, para, depois, se provar,
é que resolvemos superar esses problemas em parceria com a UPB, promovendo
esses Encontros”.

Por
fim, o presidente do TCM, explicou porque Salvador e Porto Seguro foram os municípios
escolhidos para os dois primeiros eventos:

“Salvador,
terceira mais importante cidade do país é onde fica a sede do tribunal, de fácil
acesso para todos os representantes municipais do Estado, enquanto Porto Seguro
é centro de uma região histórica e bela, pois foi lá que o Brasil foi
descoberto e atualmente é o segundo maior pólo turístico da Bahia”,
finalizou.

Mais Notícias

* Escolha o município e obtenha informações sobre a sua cidade.

Agenda

Confira a agenda do Tribunal para o município dos próximos dias. Clique na data destacada.

Últimas Decisões do Pleno