Notícias

A+
A-

TCM apresenta novo sistema de gerenciamento de auditorias Exportar PDF

27/11/2019

Técnicos de controle externo do TCM passam a utilizar uma nova ferramenta em suas auditorias.

 

Os auditores de controle externo do Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia foram apresentados, na manhã desta quarta-feira (27/11), ao novo Sistema de Gerenciamento de Auditoria – SGA, implementado para auxiliar na execução dos trabalhos realizados pela Corte. O sistema e a base de dados foi cedido, através de parceria, pelo Tribunal de Contas do Estado e garante uma maior segurança no armazenamento, registro e comunicações dos trabalhos das auditorias.

A apresentação do sistema SGA foi promovida pela Escola de Contas do TCM, e feita pelos auditores que compõem o Núcleo de Auditoria Operacional e de Projetos Cofinanciados com Recursos Externos – NAOP, do TCM, que já utilizam o sistema nas auditorias das obras de infraestrutura e projetos sociais em Salvador, que contam com financiamentos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) ou do Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento (Bird) – mais conhecido como Banco Mundial. À frente da apresentação esteve o auditor de controle externo Luiz Carlos da Costa Lino Leite.

Agora, o SGA está disponível também para os auditores das inspetorias regionais, diretorias e demais departamentos que compõem a Superintendência de Controle Externo do TCM. Além de garantir maior segurança no trato das informações coletadas, a ferramenta vai facilitar a elaboração e uniformizar os relatórios técnicos das auditorias de acompanhamento, de processos, temáticas e de conformidade.

O Sistema de Gerenciamento de Auditoria é uma ferramenta tecnológica fundamental para qualificar as auditorias dos órgãos de controle externo, e foi cedida ao TCM pelo presidente do TCE/Ba, conselheiro Gildásio Penedo Filho, num processo de aprofundamento da parceria entre as cortes de contas baianas, com a troca de informações, de ferramentas de tecnologia, de conhecimentos e de experiências, com o objetivo agilizar e tornar mais eficiente a fiscalização sobre a aplicação dos recursos públicos pelos entes administrativos.

O coordenador do NAOP, conselheiro substituto Ronaldo de Sant’Anna, destacou que a troca de experiências e a consultoria dos auditores do TCE/Ba às equipes técnicas do TCM foram fundamentais para que a corte de contas municipais fosse credenciada pelo BID para a realização das auditorias de acompanhamento que são exigidas pelo próprio banco nas obras por ele financiadas. Com isto, além de especializar ainda mais os auditores e demais técnicos da corte, também os municípios que tiveram financiamentos aprovados pelo banco – como no caso, Salvador – serão beneficiados, já que economizarão recursos que seriam pagos a instituições privadas de auditoria.

Mais Notícias

* Escolha o município e obtenha informações sobre a sua cidade.

Agenda

Confira a agenda do Tribunal para o município dos próximos dias. Clique na data destacada.

Últimas Decisões do Pleno