Notícias Canto do título

A+
A-

Gestor da Limpec foi multado em R$ 20 mil por despesas consideradas excessivas, com um gasto mensal médio de R$ 1,5 milhão para execução do serviço.

24 de novembro de 2010













O Tribunal de Contas
dos Municípios, nesta quarta-feira (24/11), julgou procedente o termo de
ocorrência lavrado na Limpec – Limpeza Pública de Camaçari, da responsabilidade de Ivan Jorge Alves Durão,
referente a despesas consideradas excessivas com empresas privadas contratadas
para coleta de lixo e entulho, varrição de ruas e logradouros e limpeza urbana,
no exercício de 2007.


O relator, conselheiro
substituto Oyama Ribeiro, determinou a formulação de representação ao Ministério
Público e imputou ao gestor multa no valor de R$ 20 mil, porém cabe recurso da
decisão.


O termo relata que foram realizadas despesas
consideradas excessivas com as empresas privadas Vega Engenharia Ambiental,
Jotagê Engenharia e a Camaçari Ambiental, contratadas para
coleta de lixo e entulho, varrição de ruas e logradouros, e limpeza urbana, pelo
montante total de

 

R$ 17.839.287, representando uma média mensal que se aproxima
de R$ 1,5 milhão, bem como a ocorrência de pendências em relação aos reajustes
contratuais efetuados com estas empresas.


Apesar de notificado, o gestor não apresentou
qualquer
explicação para o expressivo valor gasto, violando os princípios
constitucionais da razoabilidade, da economicidade e da
moralidade.


A relatoria alertou à
administração da descentralizada que adote providências para solucionar o
problema, que devendo haver a redução do montante questionado, sob pena da
continuidade dessa prática resultar em novas punições para o
gestor.


Íntegra do voto do
relator
do termo de ocorrência lavrado na Limpec – Limpeza Pública de Camaçari. (O voto ficará
disponível após conferência).

Smart News

Acompanhe a Gestão do Seu Município

Agenda

Confira a agenda do Tribunal para cada município. Clique na data destacada.

Últimas Decisões do Pleno


Mais Notícias

05/07/2022
TCM divulga duas Súmulas para orientar gestores municipais
O Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia aprovou duas novas Súmulas com o objetivo de...[leia maisTCM divulga duas Súmulas para orientar gestores...]
05/07/2022
Ex-presidente da Câmara de Marcionílio Souza sofre representação ao MPE
Os conselheiros da 1ª Câmara do Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia consideraram...[leia maisEx-presidente da Câmara de Marcionílio Souza sofre representação ao...]
05/07/2022
Prefeito de Tapiramutá é multado pela prática de nepotismo
Na sessão desta quarta-feira (06/07), os conselheiros da 2ª Câmara do Tribunal de Contas dos...[leia maisPrefeito de Tapiramutá é multado pela prática de...]
03/07/2022
TCM promove capacitação sobre nova Lei de Licitações e Contratos
O Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia, através da sua Escola de Contas, vai promover, a...[leia maisTCM promove capacitação sobre nova Lei de Licitações e...]