Notícias

A+
A-

Contas da EMASA de Itabuna são aprovadas com ressalvas

6 de julho de 2017

O Tribunal de Contas dos Municípios, na sessão desta quinta-feira (06/07), conferiu provimento parcial ao pedido de reconsideração formulado por Ricardo Campos Pereira, gestor responsável pela Empresa Municipal de Água e Saneamento – EMASA de Itabuna, para emitir novo decisório, desta vez pela aprovação com ressalvas das contas relativas ao exercício de 2015. O relator do parecer, conselheiro José Alfredo Dias, reduziu o valor da multa imposta para R$2.500,00 e do ressarcimento aos cofres municipais, com recursos pessoais, para R$9.784,76.
No recurso, o gestor apresentou documentação comprovando os pagamentos realizados no mês de janeiro, no valor total de R$584.417,87, remanescendo ainda pendente de esclarecimento a quantia de R$7.558,29, que deve ser ressarcida aos cofres municipais. Também foi regularizada parcialmente a apontada divergência entre o saldo registrado no Balanço Patrimonial, no valor de R$430.604,52, e o consignado nos extratos bancários, na quantia de R$411.048,84. O saldo foi retificado para o valor de R$429.711,55, permanecendo a diferença de R$892,97, que deve ser restituída aos cofres municipais.

Smart News

Acompanhe a Gestão do Seu Município

Agenda

Confira a agenda do Tribunal para cada município. Clique na data destacada.

Últimas Decisões do Pleno


Mais Notícias

02/12/2021
TCM promove sorteio prévio para processos referentes a 2022
O Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia realizou, na sessão dessa quinta-feira (02/12), o...[leia mais]
02/12/2021
Diretor da Escola de Contas participa de evento sobre Governança Pública
O diretor adjunto da Escola de Contas do TCM, professor José Francisco de Carvalho Neto,...[leia mais]
01/12/2021
TCM amplia participação nas redes sociais
O Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia ampliou a sua presença nas redes sociais e desde...[leia mais]
01/12/2021
Auditor do TCM participa de evento sobre obras públicas
O auditor estadual de Infraestrutura, Bartolomeu Lordelo, representou o Tribunal de Contas dos...[leia mais]