Notícias Canto do título

A+
A-

Milton José Fonseca Borges e Moisés Alves de Matos, que foram punidos 11 vezes pelo TCM em 2009, cometeram irregularidades na contratação de transporte escolar.

5 de março de 2010












O Tribunal de Contas dos
Municípios, na quinta-feira (04/03), julgou procedente o termo de ocorrência
lavrado contra os ex-prefeitos de Mucuri, Milton José Fonseca Borges e Moisés
Alves de Matos, por irregularidades em diversos procedimentos licitatórios, no
exercício de 2008.


No ano passado, o TCM condenou os
ex-gestores em pelo menos 11 julgamentos por irregularidades cometidas.


A relatoria determinou formulação
de representação ao Ministério Público e imputou ao primeiro gestor multa no
valor de R$ 15 mil e de R$ 5 mil ao segundo. Cabe recurso.


A denúncia foi
lavrada pela 15ª Inspetoria Regional de Controle Externo após terem sido
constadas, no exame
dos documentos de receitas e despesas
da Prefeitura
de
Mucuri,
irregularidades em procedimentos
licitatórios referente à contratação de transporte escolar para o município, no
montante de R$ 3.645.963,58, decorrente da licitação na modalidade concorrência
pública.


Apesar do elevado
valor da prestação de serviço, houve tão somente um único concorrente, sem que,
fossem atingidos os fins observados de um procedimento de licitação, quais seja,
proporcionar à administração pública a contratação mais vantajosa, além de
permitir a competição em igualdade de condições aos particulares que desejem
contratar com o Estado.


O processo ainda
destaca outras irregularidades, entre elas: processo licitatório em cópia,
ausência de certidões negativas do INSS e FGTS nos documentos mensais de
despesa, ausência de qualificação econômico-financeira, ausência de qualificação
técnica, etc.


Também não se
verificou um termo de inspeção às instalações físicas do licitante vencedor do
certame, para comprovar o quanto atestado à época da licitação, ante a natureza
dos serviços prestados, quais sejam, transporte de crianças e
adolescentes.


Íntegra do voto do
relator
do termo de ocorrência lavrado na Prefeitura de Mucuri. (O voto ficará
disponível no portal após a conferência).

Smart News

Acompanhe a Gestão do Seu Município

Agenda

Confira a agenda do Tribunal para cada município. Clique na data destacada.

Últimas Decisões do Pleno


Mais Notícias

05/07/2022
TCM divulga duas Súmulas para orientar gestores municipais
O Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia aprovou duas novas Súmulas com o objetivo de...[leia maisTCM divulga duas Súmulas para orientar gestores...]
05/07/2022
Ex-presidente da Câmara de Marcionílio Souza sofre representação ao MPE
Os conselheiros da 1ª Câmara do Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia consideraram...[leia maisEx-presidente da Câmara de Marcionílio Souza sofre representação ao...]
05/07/2022
Prefeito de Tapiramutá é multado pela prática de nepotismo
Na sessão desta quarta-feira (06/07), os conselheiros da 2ª Câmara do Tribunal de Contas dos...[leia maisPrefeito de Tapiramutá é multado pela prática de...]
03/07/2022
TCM promove capacitação sobre nova Lei de Licitações e Contratos
O Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia, através da sua Escola de Contas, vai promover, a...[leia maisTCM promove capacitação sobre nova Lei de Licitações e...]