Notícias

A+
A-

Na véspera de sua aposentadoria, o Conselheiro do TCE, Manoel Figueiredo Castro, tem os seus serviços em benefício da sociedade baiana enaltecidos pelo Tribunal de Contas dos Municípios.

25 de abril de 2012

















Na sessão desta
quarta-feira (25/04), o Tribunal de Contas dos Municípios
abriu os trabalhos com o Conselheiro José Alfredo Rocha Dias
prestando uma homenagem ao Conselheiro do TCE, Manoel Figueiredo de
Castro, cuja solenidade de aposentadoria ocorre nesta quinta-feira
(26/04), por completar 70 anos, no dia 03 de maio.



O Conselheiro José
Alfredo recomendou que uma moção de apreço e
solidariedade fosse constada nos anais da casa, no que foi
unanimemente apoiado pelo presidente Paulo Maracajá Pereira, e
demais conselheiros Fernando Vita, Raimundo Moreira, Francisco Neto,
Paolo Marconi e Plínio Carneiro Filho.



A partir de sua
posse no cargo de Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, o Dr.
Manoel Castro revelou-se dos mais justos, competentes, probos e
lúcidos integrantes daquele sodalício, onde exerceu,
com brilhantismo, os cargos de Presidente, Vice-Presidente e
Corregedor, com destacada participação na Associação
de Tribunais de Contas do Brasil que, como o TCE, sentirá a
sua falta”.



Ainda destacou na moção
que “o Conselheiro Manoel Castro tem o reconhecimento de todos
os homens de bem do nosso Estado, em face dos incontáveis e
relevantes serviços que o mesmo prestou a Salvador e à
Bahia, nas diferentes atividades exercidas”.



O Conselheiro José
Alfredo concluiu a sua homenagem extendendo as manifestações
de apreço à digna esposa e companheira do Conselheiro
Manoel Castro, Dona Neusa Castro, que o acompanhou durante todo o
período de sua profícua vida profissional”.



Nascido em 03 de maio de
1942, Manoel Castro foi nomeado Conselheiro do TCE em 27/10/2000,
portanto já exercendo o cargo há mais de 11 anos.
Naquela casa, foi membro da 1ª Câmara e Supervisor da 1ª
CCE, Corregedor, Vice-Presidente e Presidente, por três
períodos.



Homem de múltiplas
atividades, o economista formado pela Universidade Federal da Bahia,
exerceu, entre diversos cargos executivos, o de diretor do Instituto
dos Economistas da Bahia (IEBA), presidente da Bahiatursa, assessor e
diretor da área industrial da Construtora Norberto Odebrecht,
secretário da Industria e Comércio da Bahia,
vice-prefeito e prefeito de Salvador, deputado federal por quatro
mandatos, inclusive participando da Assembleia Nacional Constituinte
de 1988. Foi também presidente da Comissão de
Finanças e Tributação da Câmara dos
Deputados, nos anos de 1993 e 2000.






Smart News

Acompanhe a Gestão do Seu Município

Agenda

Confira a agenda do Tribunal para cada município. Clique na data destacada.

Últimas Decisões do Pleno


Mais Notícias

25/11/2021
Nordeste apresenta índices preocupantes sobre evasão escolar
Estudo sobre a Educação durante a pandemia, evidenciou as desigualdades regionais que...[leia mais]
24/11/2021
Prefeita de Sento Sé sofre representação ao MPE
Na sessão desta quinta-feira (25/11), os conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios da...[leia mais]
23/11/2021
Webinário analisa estudo sobre “Permanência Escolar na Pandemia”
O Comitê Técnico da Educação do Instituto Rui Barbosa (CTE-IRB), o Interdisciplinaridade e...[leia mais]
23/11/2021
Câmara de Paulo Afonso e de outros 19 municípios têm contas aprovadas
Os conselheiros e auditores da 1ª Câmara do Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia...[leia mais]