Notícias Canto do título

A+
A-

O gestor Francisco Silva Conceição também foi multado em R$ 40.263,00 por irregularidades na contratação direta de empresas para a coleta e transporte de resíduos sólidos, domiciliares, comerciais, públicos e de feiras livres, no exercício de 2013.

16 de setembro de 2014

O Tribunal de Contas dos Municípios, nesta terça-feira (16/09), determinou a formulação de representação ao Ministério Público Estadual contra o prefeito de Candeias, Francisco Silva Conceição, por irregularidades na contratação direta das empresas GD Engenharia Ltda e EWA Engenharia Ambiental Ltda, com base na decretação de estado de emergência pela “situação caótica da máquina administrativa”, para a coleta e transporte de resíduos sólidos, domiciliares, comerciais, públicos e de feiras livres, no exercício de 2013.

O relator do processo, conselheiro Paolo Marconi, aplicou multa de R$ 40.263,00 ao gestor e afirmou que o administrador público não pode utilizar do artifício da emergência e ou calamidade pública, para justificar as contratações diretas de empresas ou pessoas, sem o devido processo licitatório, como foi o caso. As despesas no período de janeiro a junho de 2013 alcançaram a importância de R$ 5.675.698,48.

O gestor tentou justificar alegando que a empresa Torre Empreendimentos Rural e Construção Ltda, vencedora do processo licitatório para prestação dos serviços de limpeza urbana, solicitou a nulidade do procedimento, o que não foi acolhido pela Comissão de Licitação, sendo então seu representante convocado para assinatura do contrato, no entanto enviou preposto que não detinha poderes para a prática desse ato, impossibilitando a celebração do negócio.

Em parecer, a procuradora geral do Ministério Público de Contas, Camila Vasquez, enfatizou que, diante da inércia da empresa vencedora em assinar o contrato para prestação dos serviços, deveria a Administração Pública ter convocado os licitantes subsequentes e não contratar empresa que sequer havia participado do certame.

Cabe recurso da decisão.

Íntegra do voto do relator da denúncia contra a Prefeitura de Candeias.

 

Smart News

Acompanhe a Gestão do Seu Município

Agenda

Confira a agenda do Tribunal para cada município. Clique na data destacada.

Últimas Decisões do Pleno


Mais Notícias

03/07/2022
TCM promove capacitação sobre nova Lei de Licitações e Contratos
O Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia, através da sua Escola de Contas, vai promover, a...[leia maisTCM promove capacitação sobre nova Lei de Licitações e Contratos]
29/06/2022
Contas de 2020 de Camaçari são aprovadas
Os conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios emitiram parecer no qual recomendam à...[leia maisContas de 2020 de Camaçari são aprovadas]
29/06/2022
Contas das Prefeituras de Angical e Cansanção são rejeitadas
Na sessão desta quinta-feira (30/06), os conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios...[leia maisContas das Prefeituras de Angical e Cansanção são rejeitadas]