Notícias

A+
A-

Pedro Lima foi multado em R$ 1.500,00 e Américo José em R$ 500,00 por irregularidades na dispensa de licitação para contratação do IMAP.

22 de abril de 2014

Na sessão desta terça-feira (22/04), os conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios decidiram pela procedência do termo de ocorrência lavrado na Prefeitura de Baixa Grande, sob a administração de Pedro Lima Neto, em função de irregularidades nas contratações das Empresas 3Tecnos Tecnologia Ltda. e o Instituto Municipal de Administração Pública – IMAP, no exercício de 2013.

O conselheiro José Alfredo Rocha Dias, relator do processo, aplicou uma multa de R$ 1.500,00 e determinou a rescisão dos contratos em andamento, solicitando a correta realização das licitações.

Conforme entendimento da relatoria, tanto a 3Tecnos Tecnologia Ltda., quanto a IMAP, possuem inúmeros concorrentes presentes no mercado profissional, não havendo portanto a necessidade da contratação por inexibilidade, salvo quando for direcionado ao ''ensino'', ''desenvolvimento institucional'', ''pesquisa'' ou ''recuperação social do preso'', itens previstos na Lei de Licitações.

O gestor foi chamado para prestar seus esclarecimentos, apresentou sua defesa, porém, não foi acolhida pela Corte.

De igual modo, ocorreu na Prefeitura de Camamu, sob a administração de Américo José da Silva, os conselheiros julgaram procedente o termo de ocorrência devido a contratação de serviços prestados também pelo Instituto Municipal de Administração Pública – IMAP, sem o necessário procedimento licitatório, no montante total de R$ 8.439,36. O gestor foi multado em R$ 500,00.

Os gestores podem recorrer das decisões.

Íntegra do voto do termo de ocorrência lavrado na Prefeitura de Baixa Grande.

 

Íntegra do voto do termo de ocorrência lavrado na Prefeitura de Camamu.

 

Smart News

Acompanhe a Gestão do Seu Município

Agenda

Confira a agenda do Tribunal para cada município. Clique na data destacada.

Últimas Decisões do Pleno


Mais Notícias

25/11/2021
Nordeste apresenta índices preocupantes sobre evasão escolar
Estudo sobre a Educação durante a pandemia, evidenciou as desigualdades regionais que...[leia mais]
24/11/2021
Prefeita de Sento Sé sofre representação ao MPE
Na sessão desta quinta-feira (25/11), os conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios da...[leia mais]
23/11/2021
Webinário analisa estudo sobre “Permanência Escolar na Pandemia”
O Comitê Técnico da Educação do Instituto Rui Barbosa (CTE-IRB), o Interdisciplinaridade e...[leia mais]
23/11/2021
Câmara de Paulo Afonso e de outros 19 municípios têm contas aprovadas
Os conselheiros e auditores da 1ª Câmara do Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia...[leia mais]