Notícias

A+
A-

Everaldo Caldas terá ainda representação ao MP por cometer reincidência na não prestação de contas dos recursos públicos.

4 de agosto de 2011















Na sessão desta
quinta-feira (04/08), o Tribunal de Contas dos Municípios
julgou procedente a denúncia formulada contra o prefeito de
Elísio Medrado
, Everaldo Oliveira Caldas, pelo cometimento de
irregularidades no exercício de 2011.



O processo apontou a
reincidência do gestor na ausência de prestação
de contas dos recursos públicos municipais sob sua
responsabilidade, em desrespeito ao estabelecido no art. 1º, da
Resolução TCM nº 1.060/05, inviabilizando, em
consequência, a fiscalização da correta e efetiva
aplicação dos recursos públicos pelos
vereadores.



O relator, conselheiro
substituto Evânio Cardoso, determinou a formulação
de representação ao Ministério Público e
imputou multa no valor de R$ 5 mil ao prefeito, que pode recorrer da
decisão.



Íntegra do voto do
relator da denúncia formulada na Prefeitura de Elísio
Medrado.









Smart News

Acompanhe a Gestão do Seu Município

Agenda

Confira a agenda do Tribunal para cada município. Clique na data destacada.

Últimas Decisões do Pleno


Mais Notícias

30/11/2021
Aprovadas contas de mais 21 câmaras; as de Iramaia são rejeitadas
Na sessão desta quarta-feira (01/12), realizada por meio eletrônico, os conselheiros da 1ª...[leia mais]
30/11/2021
Novos auditores tomam posse no TCM
Quatro novos auditores estaduais de controle externo tomaram posse no Tribunal de Contas dos...[leia mais]
30/11/2021
Conselheiros da 2ª Câmara aprovam contas de mais 18 câmaras
Os conselheiros da 2ª Câmara do Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia aprovaram as contas...[leia mais]
29/11/2021
Ex-prefeito de Mairi sofre representação ao MPE
Na sessão desta terça-feira (30/11), realizada por meio eletrônico, os conselheiros do...[leia mais]