Notícias

A+
A-

Renildo Santos teve representação encaminhada ao MP pelo descumprimento do art. 42 da Lei de Responsabilidade Fiscal.

5 de outubro de 2011





O Tribunal de Contas dos Municípios

O
Tribunal de Contas dos Municípios, na terça-feira (04/10), rejeitou as contas
da Câmara de Apuarema,
sob a gestão de Renildo Ramos dos Santos, relativas ao exercício de 2010.

O
relator, conselheiro substituto Cláudio Ventin, solicitou a formulação de
representação ao Ministério Público e imputou multa de R$ 800,00. Ainda cabe
recurso da decisão.

As
contas foram consideradas irregulares pelo descumprimento do artigo 42, da Lei
de Responsabilidade Fiscal, em razão da insuficiente disponibilidade de caixa
no montante de R$ 3.003,78, no último ano do mandato, para pagamento das
despesas inscritas em “restos a pagar”.

Houve
ainda reincidência na falha de elaboração de Relatório de Controle Interno,
descumprindo a Resolução TCM nº 1.120/05 e legislação pertinente.

O
Poder Executivo repassou a título de duodécimo o montante de R$ 390.748,12,
enquanto a despesa orçamentária legislativa realizada alcançou a quantia de
R$ 390.586,71.

Íntegra
do voto
do relator das contas da Câmara de Apuarema.

Smart News

Acompanhe a Gestão do Seu Município

Agenda

Confira a agenda do Tribunal para cada município. Clique na data destacada.

Últimas Decisões do Pleno


Mais Notícias

19/05/2022
Diretoria do TCM publica nova edição do boletim informativo
A Diretoria de Assistência aos Municípios do TCM publicou, nesta sexta-feira (20/05), uma nova...[leia mais]
18/05/2022
Conselheiro Raimundo Moreira se aposenta do TCM e é homenageado
O conselheiro Raimundo Moreira participou nesta quinta-feira (19/05) de sua última sessão no...[leia mais]
18/05/2022
Prefeituras de Rio de Contas e Várzea da Roça têm contas aprovadas
Os conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios emitiram parecer prévio recomendando a...[leia mais]
17/05/2022
Prefeito de São José da Vitória deve devolver recursos aos cofres municipais
Na sessão desta quarta-feira (18/05), os conselheiros da 2ª Câmara do Tribunal de Contas dos...[leia mais]