Notícias

A+
A-

Marta Helena Leal deve ressarcir ao erário municipal, com recursos pessoais, o montante de R$ 7.126,65 pela despesa irregular.

16 de novembro de 2011

















O
Tribunal de Contas dos Municípios, na sessão desta
quarta-feira (16/11), considerou procedente o termo de ocorrência
lavrado contra a Câmara de Teixeira de
Freitas
, na gestão
de Marta Helena Leal, em razão da
realização
de
despesas
com à aquisição de ovos de páscoa e
materiais para confecção de cestas de natal para serem
distribuídos aos servidores e vereadores da Casa Legislativa,
totalizando R$ 7.126,65, no exercício de 2009.



O
relator, conselheiro Fernando Vita, multou a gestora em R$ 1 mil e
determinou o imediato ressarcimento aos cofres municipais, com
recursos pessoais, do montante
gasto
irregularmente. Ainda cabe recurso da decisão.



Em sua defesa, a
denunciada alegou que as despesas foram realizadas dentro da
legalidade e em observância aos princípios
constitucionais da razoabilidade, moralidade, legalidade,
impessoalidade e eficiência. Destacou, ainda, que às
Administrações anteriores também realizaram a
distribuição destes produtos aos vereadores e para os
servidores como forma de valorização dos mesmos.



Contudo,
em seu voto, a relatoria apontou
que
as despesas são estranhas à atividade Legislativa e por
isso mesmo, ilegítimas sob o ponto de vista da legalidade e
moralidade, porquanto inadmissível a utilização
dos valores recebidos pela Câmara, para o custeio de atividades
que não se harmonizam com os princípios contidos no
art. 37 da Constituição Federal.



Íntegra do voto
do
relator do termo de ocorrência lavrado na Câmara de
Teixeira de Freitas.



Smart News

Acompanhe a Gestão do Seu Município

Agenda

Confira a agenda do Tribunal para cada município. Clique na data destacada.

Últimas Decisões do Pleno


Mais Notícias

18/05/2022
Conselheiro Raimundo Moreira se aposenta do TCM e é homenageado
O conselheiro Raimundo Moreira participou nesta quinta-feira (19/05) de sua última sessão no...[leia mais]
18/05/2022
Prefeituras de Rio de Contas e Várzea da Roça têm contas aprovadas
Os conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios emitiram parecer prévio recomendando a...[leia mais]
17/05/2022
Prefeito de São José da Vitória deve devolver recursos aos cofres municipais
Na sessão desta quarta-feira (18/05), os conselheiros da 2ª Câmara do Tribunal de Contas dos...[leia mais]
17/05/2022
Presidente do TCM participa de reunião sobre a LDO
O presidente do Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia, conselheiro Plínio Carneiro Filho,...[leia mais]